sábado, 30 de agosto de 2008

FARM? Quanto vale ou é por quilo?

Gente, como vocês sabem, antes de ser uma dona de brechó eu sou uma consumidora de brechós. Adoro passear pelos brechós e conhecer as pecinhas das amigas.

Mas tenho notado uma coisa ultimamente que não acho legal, por isso resolvi compartilhar aqui.

Sei que a febre do momento é a FARM, todo mundo ama, quer e idolatra as roupas dessa marca. Com essa procura, aumentaram também os "brechós" cheios de roupa dessa marca.

Apesar do nome "brechó", na verdade algumas meninas (não são todas!) tem atuado como revendedoras da marca. Só tenho visto roupas com etiqueta por ai. Até ai tudo bem, todas podem vender o que bem entenderem, até porque, como todo mundo sabe a FARM pratica dois preços, um para o Rio de Janeiro e outro para os outros estados.

Assim, muitas vezes essas meninas vendem as roupas novas com uma margem de lucro, que acaba valendo a pena tanto para quem compra de outro estado, como para quem vende.

Mas andando por ai e também vi certas coisas que me deixaram chateada. Um dia desses passeando pelos brechós, cheguei a um de uma menina que vendia, dentre muitas outras peças novas da marca, um vestido da FARM. Ela dizia ter usado o vestido algumas vezes, e estaria vendendo por menos do que ela pagou.

Me chamou a atenção pois eu tenho exatamente o MESMO vestido aqui no meu armário... Quando vi o preço que ela estava cobrando, não acreditei. Era o simplesmente o TRIPLO do que eu tinha pago pelo mesmo vestido, novo, na loja. Isso porque ela estava vendendo o vestido usado.

Eu não sei como chamar isso, além de deslealdade. Acho desleal com as consumidoras do bazar, e desleal com as outras donas de bazar, pois acaba atingindo a boa reputação dos bazares online de uma forma geral.

Não acho que o pessoal precisa abusar nos preços. Principalmente, fazendo uma falsa propaganda de que está vendendo por menos do que pagou. Não acho legal, pois a pessoa compra achando que está fazendo um grande negócio quando na verdade está fazendo um péssimo.

Todo mundo reclama quando tem que comprar ingressos de um show através de cambistas, não é verdade? Pois essa prática de "vender FARM a qualquer preço", para mim, é a mesma coisa.

Então meninas consumidoras, tomem cuidado ao comprar essas pecinhas, e tenham em mente que nem sempre pode ser um bom negócio. CLARO, que o que eu estou falando aqui NÃO se aplica a todas as meninas que vendem FARM ou roupas com etiquetas. Dá para fazer ótimos (e justos) negócios por ai. Mas essa prática existe, então achei que deveria falar.

Para as meninas donas de brechós, vamos ser sinceras com a cobrança. Se está cobrando mais do que na loja, avise, seja honesta. Justifique o preço, "a peça tem valor sentimental" ou "está esgotada" sei lá, mas enganar ou omitir, são práticas muito pouco cordiais nesse mundo dos bazares online em que a principal ferramenta de trabalho é a confiança.

Bom garimpo a todas ;)

27 comentários:

Paulita disse...

Achei muito legal sua postura, realmente quem mora em lugares onde não existe a marca -como eu- fica impossível saber quanto custou e se o preço cobrado é justo(a não ser que a peça venha com etiqueta).
Brechozeiras, uni-vos!!

Bjo

Isabela disse...

Oi Mariana!
Muito interessante esse seu post. Esses dias postei no Vitrine uma série nova onde reúno peças de uma mesma marca e comecei pela Farm. Na pesquisa pude ver como alguns preços estão beeeem altos, mas tb nao tem base de comparação com a loja, pois nao a frequento. Acreditei nas informções passadas pelas vendedores, nao imaginei que tinha gente fazendo esse tipo de coisa. O Vitrine está a disposição para qq manifestação. Vou ver se essa semana faço alguma coisa sobre isso e seria legal contar com sua participação.
bjo!!

Isabela disse...

Publiquei lá no Vitrine.
Bjo!

Jana! disse...

Oi, Nana

que bom ler esse texto. Sempre pensei algo semelhante, mas não mobilizei para escrever isso. Não tenho nenhuma peça FARM em meu guarda-roupa, tampouco conhecia a marca antes de entrar nesse mundo dos 'brechós' online.

Mas isso de fato me impressiona mesmo. Até porque os preços são sempre caríssimos...

Bom saber que tu pensas assim tb!

Um beijo, depois passa lá pelo meu brechó tb.

Jana

Isabela disse...

OI Mariana, me desculpa..são tantos brechós que na bora de por os nomes acabo me confundido as vezes, mas já corrigi.
E acho tb que não é criar confusão, é expor certas coisas que não são legais, como ocorre tb com as caso das pessoas que reservam e depois somem, ou das trocas onde uma das partes some e nao mando o produto.. enfim, esses assuntos tem que ser discutidos.
bjo!

Danielle Littera disse...

Queria externar meu agradecimento pelo aviso, apesar de não ter uma peça da FARM.

Beijos.

Thaís disse...

Olá gente!
Sou tb uma frequentadora assídua de brechós online. Já conhecia a Farm e, principalmente os valores (consideráveis) de suas peças. Achei nesses brechós, assim como outras pessoas, uma saída para conseguir uma roupa bacana, com corte, tecido e caimento de qualidade, e por preços mais camaradas (pq bolso de estagiária costuma ser magriiiinho, rs).
Como sempre curti essa marca, e agora percebi que é geral, cacei bastante por aí. Foi quando me deparei com a seguinte situação:
Um blog, que já havia recebido reclamações por cobrar caro pelas peças vendidas, anunciando um vestido da (badalada) Farm (última coleção, cuca fresca), ainda com etiqueta, por R$220,00 (SEM frete ou embalagem inclusos) e no mesmo dia, em outro blog, encontrei o MESMO VESTIDO (exatamente igual, gente!) mesmo tamanho, cores, e C/ ETIQUETA TB em outro blog por R$ 170,00 E AINDA COM O FRETE PAC DE GRAÇA!
O argumento utilizado pelo primeiro brechó, é que o vestido está esgotado, como ainda não tive tempo de passar em uma Farm daqui de São Paulo p/ conferir, não garanto nada, mas ainda assim é uma diferença razoável (+ de R$50,00!!!), e uma justificativa não mto convincente.
Prefiro não mostrar os blogs, mas aviso que depois dessa fiquei mais esperta com preços e etc.

Beijos

Camila disse...

Nana, concordo com vc e assino embaixo! Quando vendo uma peça com etiqueta, da Farm ou de qq outro lugar, é porque comprei e acabei nao usando! Pura compulsão feminina... e aí nao acho uma peça pra trocar e acabo vendendo! Enfim, vamos continuar com o nosso brechó, vendendo, trocando e alertando sempre às outras quanto a esse tipo de prática! Ta de parabens! Estou linkando o seu agora! Beijos!

micasasucasa disse...

Vc traduziu o que eu estava vendo por aí em alguns bazares virtuais que vendem essa marca de roupas. Acho que a FARM, apesar de bonita, não vale o preço exorbitante de suas peças.
Beijoca. Paty.

by dea disse...

Oi Nana !!

Adorei ter lido o seu "desabafo"... suas palavras, são minhas palavras!

Tbém tenho me decepcionado um bocado... Inclusive fiz uma troca de um vestido q eu tinha da Farm com uma garota, ela apareceu revendendo o meu vestido pelo preço de outros estados e dizendo q ela pagou aquele valor numa loja da Farm em Minas... é mole ?

beijos querida! Te linkei no meu ! =)

lilythcaida disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lilythcaida disse...

Assino embaixo de tudo.
E quero aproveitar pra pedir socorro.
Minha cidade não tem Farm então fico a merce das compras on-line.
Estou de olho em duas peças a colecionadora e queria saber o preço da loja pra saber se estou sendo passada pra tras. Alguem saberia me informar quanto elas custam ou custavam?
São:a calça xadez preta e branca q no lookbook vem junto com a blusa de gatinhos.
O vestido cawboy com estampa china.Eh aquele de manguinhas e sainha de pregas.
Se puderem ajudar vou amar!
Bjão e obrigada.

Mariana disse...

Meninas, obrigada pelos comentários. Bom saber que não penso assim sozinha.

Lilly,

Não sei dizer quanto custava nas lojas, mas já vi nos brechós o vestido china a 185, 189 e 206 reais.

Qualquer coisa entra em contato com a Farm.

Bjins
Mari

Gi disse...

Adorei o blog

Angélica disse...

Mariana,
Que legal, hein...
Quanta idéia boa...
Tá linkada lá em casa...
Bjks

bomerang disse...

Então minha linda...eu concordo contigo quando diz do abuso nos preços, não vendo FARM,não tenho nada contra ,acho que virou um "doença", concordo que as peças são em sua grande maioria lindas.
Mas há de se dizer que só compra quem quer.E o comprador sabe se comporta ao seu bolso ou não, se fez um pesquisa de preço ou não.
Pode-se dizer que muitas pedem prá serem enganadas.
Acho uma pena isto ocorrer nos brechós e bazares virtuais, pois tenho um e já fiz ótimas negociações comprando em bazares amigos...mas está aí prá quem quiser e prá quem puder.
Bju grande querida e Parabéns pelo post.
Bjus

Varalzin disse...

Amiga o comentário de cima é meu e saiu como BOOMERANG que era lá no Orkut..pois não estava logada...meu blog brechó é:
www.varalzin.blogspot.com

Danielle Littera disse...

Olá, meu petit brechó entrou em promoção... A maioria das peças com 50% de desconto.

Aguardo sua visita.

Um beijo,
Danielle.

http://www.lechateaurouge.blogspot.com

Comercial Sul disse...

Oi! Adorei o seu post! Simplesmente disse tuuuuuuuuuuudo! Eu nem conhecia a marca, mas vi q hhá uma diferença incrível de preços entre brechós!! E outra coisa tbm, tem gente que supervaloriza suas coisas usadas, já vi gente vendendo sapatos e roupas usados por preços de novos, sem noção e ainda tem o frete pra gastar, será q elas não pensam??? As vezes coisas q eu não daria 10,00 vendem a 50,00 e assim vai. Porque uma pessoa vai comprar uma roupa usada e ter que pagar frete e ainda não ter a certeza de como esta a peça se o preço não for bom, se não estiver bem em conta, bem mais barato do que o novo?? só se for novo com etiqueta né, mas mesmo assim teria q ser ao menos uns 20,00 a menos do q nas lojas cada peça já temos que gastar com frete. Senão é claro q desistimos! Abração, concordo com vc!
meu blog: www.brechoelasporelas.blogspot.com

lilythcaida disse...

Oi Mariana!
Obrigada por responder!!!
Vc sabe como entro em contato com a Farm?
Pra quem tiver mais informaçoes sobre esses valores meu email eh:
carolicarvalho@yahoo.com.br

Bazar Moda disse...

AMIGA MUITO BACANA SUA POSTURA EM RELAÇÃO A VENDA DAS ROUPAS DE GRIFFE PRINCIPALMENTE FARM NOS BLOGS. PARABÉNS!!

BEIJOS

CARLA (BAZAR MODA)

danilo disse...

Vc disse tudo. Já havia notado isso mesmo e achei um absurdo pq elas estão enganando. Quem quiser comprar, ótimo, mas q sejam informadas que o preço NÃO é o mesmo que o da loja.
Bjosss

Camila disse...

Oi Nana,

Vi o seu post hoje. Achei interessante ele e queria falar uma coisa que aconteceu comigo duas vezes. Recebi dois post super agressivos sobre preços de peças. E eram peças da Farm. Moro em Minas e pago mais caro sim. E se quero vender, posso vender pelo preço que paguei, não acho isso errado (isso quando não usei E está com a etiqueta), até eu conseguir trocar por algo que ache mais interessante afinal, quem nunca comprou algo por impulso?). Pois é. Por conta de gente que é do Rio que vende peças da farm com o preço de outros estados li no meu blog que eu era uma golpista, pois a pessoa achava que eu fazia o que este povo do rio faz.... Achei grave demais, a pessoa me acusou sem saber, e pior, nem colocou a cara para replica.

Já vi gente vendendo faz muito mais caro que pagou, já vi gente vendendo coisa usada como nova ( a pessoa deve ter usado com etiqueta, pois eu vi foto dela com a roupa) e o golpe dos outros estados.

Sei que a farm é querida do momento, no meu bazar mesmo devem ser as roupas mais caras que tem, mas dai a abusar é demais. E também abaixar as peças a preços minimos eu acho até judiação.(em outra agressão, me falaram que a se a peça estivesse por 15 reais ela levaria... tá né? acho que jogou verde...) Já paguei 150 reais em vestido na farm, e vendi o mesmo por 100, usado uma vez, super bem cuidado. Quem comprou, comprou rindo, pois não se acha coisas assim lá...

Fora umas vendedoras do Rio, que pegam as peças com 40 % de desconto com o preço de lá e vendem pelo preço de outros estados...

Enfim, acho que muita gente (como eu) tem recebido umas figuras non gratas em barazes por conta de umas e outras que insistem em ser mais espertas que as outras.... Uma dia a vida mostra.

Jana disse...

Adorei o texto!

Ingrid disse...

adorei suas palavras!! é exatamente o que vem acontecendo nos brechós. Eu amo as roupas da farm mas moro no interior e aqui tem uma loja q revende mas as peças mais "desejadas" eu nunca encontro aqui e também não tenho mto din din pra comprar as roupas caréssimas da loja... assim opto pelos brechós e muitas vezes fico com medo de comprar por achar o preço absurdo. Já vi gente vendendo uma peça por 90 ou 100 enquanto outra vendia a mesma peça por 200. Absurdo neh?? Sem falar uma menina q queria me vender um vestido e dizia q era novo com etiqueta... mas no perfil pessoal dela tinha uma foto dela usando o vestido... serah q ela recolocou a etiqueta?? CLAROO!!! :/
Assim fica complicado neh??

andrea muniz disse...

Você tem toda a razão!!
Sou estilista e conheço bem a Farm, no começo até tinha bons preços , mas no momento está caríssima!porém concordo totalmente c vc, tem muitas blogueiras praticando o mesmo preço da loja!Pra mim, isso não tem nada a ver com brechó e sim com revenda!
se puder dá uma passadinha pra conhecer meu brechó e vamos trocar links!
http://myclosetbazar.blogspot.com

Brites disse...

Jà vi vestido ser vendido por 198 na Farm e no ML estar 450 reais...